quarta-feira, 30 de abril de 2014

- "I'm afraid to fall asleep..."


Estou sem photoshop, as aulas daqui a pouco voltarão ao normal, esses dias terei que me concentrar um pouco mais na escola(chegada de provas e afins.) e estou achando imagens incríveis no DevianArt, como essa da capa do post
Não me sinto a vontade de olhar para esse cara aí de cima. Parece que a qualquer momento ele vai sair da tela e... Esquece.


 - Por mais que seja irrelevante. [ Minha vida ]
Por que a Adolescência é tão cheia de dúvidas?  Sério, estou tão próxima da fase adulta, mas já me sinto pressionada, agoniada, cheia de medos e repressões. A maioria - ou quase todas - veem de mim mesma. É escola, amigos, casa, universidade, vestibular... São tantas coisas. São muitos conflitos na minha mente, o ruim, é que quase ninguém nos entende. Às vezes acho que é paranoia minha - pode até ser - mas dizemq que adolescentes são bem turbulentos mesmo. Espero que tudo isso passe, e eu consiga me concentrar em cada coisa separadamente e sair sem arranhões - este último, utopia minha.


Tenho tantos medos... Espero poder enfrentá-los, como já explorei em diversos poemas meus.

"I'm afraid to fall asleep"  Tenho medo de cair no sono.
Dreambound - Helloween

- > Se ambas as partes não se entendem, a reconciliação tornar-se impossível.

[frase que fiz ao ver algumas situações na escola...]



segunda-feira, 28 de abril de 2014

- " Partes inacabadas " ~ Mini-fic


Thyir era o tipo de garoto sem noção.

Sem noção da sua beleza, desligado do tamanho de sua simpatia. Nunca percebia o quanto era amável. Tanto de rosto, quanto de personalidade. Lindo, especial, até mesmo exótico. Eu não sabia me conter, era certa minha animação ao vê-lo deslizar as mãos pelos cabelos castanhos — o seu charme especial — que corria pela sua coluna. E o pior, ele nunca facilitava para mim. Sua provocação, ou eu via como uma, era constante. 

Com a minha velha mania de idiota de me expor, dizia:
- "Para com isso ou algum dia não vou aguentar."

Ele me encarava com seus olhos verdes, brincalhões; cheios de pureza e, ao mesmo tempo, regados de ultrajes deliciosos, respondia com veemência.

- "E daí? Não tenho culpa disso."

E, em partes, ele estava certo.

A culpa não era sua dos meus desejos, de não conter os meus sentimentos. Aliás, nem minha era. Ele possuía seu jeito, seu encanto, não percebia. E eu mesmo não conseguia evitar me perder. Aquilo era minha sina. Não sabia se ele tinha consciência do que eu sentia, mas seus trejeitos sempre eram carinhosos; singelos. 

Thyir preservava certo apreço por mim. 

Sorrisos, noites, gostos, palavras, gestos. Nossas prosas no violão, as conversas durantes as noites tediosas. Ele me chamava de 'projeto de Loki', por causa dos meus cabelos ruivos, mas era ele quem me pregava as peças. Suas brincadeiras malucas, deixavam-me bobo, mas apenas ríamos e tudo voltava ao normal. Nosso estilo, nosso vocabulário, que eram uma linguagem quase única.

Éramos namorados e nem mesmo sabíamos. Era sempre "nós", nunca somente"eu".

Não sofria por esconder meus sentimentos, pelo contrário, sentia-me imensamente feliz em tê-lo ao meu lado. Brincar, nos divertir, sermos nós mesmos, juntos. Com o passar das primaveras felizes, senti que tudo era recíproco. Mas, faltava algo; algo que eu ainda não sabia o que era, mas precisava ter urgentemente.

Então veio, humildemente. Sem pressa, no aconchego do meu quarto. Sobre o meu sofá, em cima dos nossos papéis com letras de músicas. Entrelaçaram-se, exploraram-se, amaram-se até um dos dois dizer chega, a hora que nunca viria. Eu tinha seu amor, ali, nas minhas mãos, mas não estávamos totalmente unidos. Faltava aquilo, daquele jeito, bem naquela hora. Seu cheiro ficou em meu corpo, sua boca não parou nem um segundo e suas mãos sentiram o peso das minhas em seu corpo.

Éramos partes inacabadas, mas encontrávamos o infinito juntos.

E, continuou assim. Amigos, namorados, companheiros. Não sabíamos muito bem definir. E, sinceramente, nunca vamos querer.  Não é preciso definir.

Precisamos apenas viver e, principalmente, sentir.

***********

Quem sou eu para falar sobre amor? Apenas uma amadora.
 Sim, nunca me apaixonei, nem namorei ninguém, mas gosto de falar sobre amor. É um tema interessante ._. 
Com já falei aqui, invento bastante histórias de romance gay... Mas, quase nunca escrevia... Só que... Isso está mudando um pouco. Sinto vontade de escrever sobre isso. Quando estiver inspirada, com uma história em mente, vou digitá-la e postar aqui... Mesmo que seja apenas um trechinho ou uma mini-fic louquinha como essa :3 


sábado, 26 de abril de 2014

- "Agora, Anedotas da Vida..."



Então.. Já que eu estou um pouco sem criatividade para poema (e para escrever projetos tb)... 
Vou comentar um fato estranho que me ocorreu hoje.

Logo após os serviços domésticos de sábado, fui entrar no Facebook, como de costume... Então, alguém que NUNCA tenho contato, mandou-me uma mensagem bem interessante. 
Era um ensaio, muito lindo e sensível, de um fotógrafo Japonês. Imagens lindas, em macro, retratando a beleza de um mundo invisível existente num jardim. 

Junto ao link para o ensaio, disse algumas coisas sobre ter se lembrando de minha "atenção questionadora" (que eu achei meio irônico da parte dele), que o ensaio desafiava nosso cotidiano e sobre "manter os olhos bem abertos", desejou-me bons ares para minha existência.
Estranhei, pois não convivi muito com essa pessoa(apenas alguns dias), porém essa mensagem me tocou de um jeito bastante singular e me fez refletir um pouco. Como alguém, quase um desconhecido, me tocou dessa maneira? A vida é cheia de fatos estranhos, realmente é uma caixinha de surpresas. Mas, eu acho que entendi o porquê me mandou essa mensagem... Acredito que tem a ver com o trabalho escolar que fiz, e não botei minhas palavras (somente no final), assim como meus colegas (rs.). Não questionei, não "tive os olhos abertos" aos fatos. Ele me deu uma bronca, mas eu entendi que aquilo era pra me ajudar.

Surpresas geralmente não me fazem bem... Mas essa foi muito interessante :3


sexta-feira, 25 de abril de 2014

- "Fatos da Vida..."


Há aqueles que eu amo estar perto, outros amo estar longe. Sério, tem frase mais clichê? Porém, é a minha mais pura verdade.  Quando meus ares não batem com alguém eu simplesmente evito essa pessoa ao máximo. Mesmo por mínimos detalhes que eu acho arrogante. Uma palavra, um gesto, um olhar. Isso já me faz ter antipatia eterna pela pessoa. Coisa estranha, não?  Isso é péssimo, eu sei. Porém já é uma característica quase intrínseca em mim,e, eu tenho certeza, que já me libertou de furadas.

Gosto também de estar perto das pessoas,  aprecio e muito isso! Porém, esse meu estar perto é tão distante. Eu ouço as pessoas, opino, digo uma ou outra coisa sobre mim... Mas, não sou muito de me entregar, de desnudar a minha alma para alguém. Sou tão reservada, que, às vezes, até minhas palavras são tímidas, por mais que eu tente me jogar sobre elas. Gosto de por meus sentimentos em palavras, e tenho medo de mostrá-las a pessoas próximas. Por isso, posto aqui e não divulgo. É meu cantinho. Se alguém que eu conheço descobrir, provavelmente... Eu irei explodir. É aquele medo, como se estivéssemos nus na frente do outro... É um medo completo.

****

O título parece nome de novela :3

Atualmente, escutando Pariah's Child. Não curti muito a maioria das músicas do álbum ( Sonata não anda me agradando muito desde o Unia D:) Porém... Há Running Lights, Larger Than Life, Take on Breath e The Wolves Die Young, que gostei um pouco, principalmente os refrões. Bom, sinto falta de algo do tipo My Selene, Don't Say a Word e Ain't your Fairy Tale :( 





quarta-feira, 23 de abril de 2014

- " Momento de luz..."



A respiração pausada, no silêncio sepulcral da noite. Escuto correr do sangue em minhas veias; o pulsar calmo, ritmado do meu coração. O cheiro de flores de primavera invadem o meu quarto, aquele perfume gostoso, deslizou diretamente para minhas narinas. A janela aberta, o luar penetrou pela janela, iluminando a aura fantasma do meu quarto; monstros odeiam a luz. Eu, estirado sobre meus lençóis brancos, apenas olhando aquela luz prateada a brilhar no meu corpo. A luz, o cheiro, a noite. Senti a harmonia invadir o meu corpo. Um momento de paz, tudo o que minha mente enovelada precisava para descansar. Quem me dera, momentos assim todos os dias, todas as horas, a todo momento.

O escuro volta, assim como os monstros. 

****************
POST Nº 200

Meus post's aumentaram pq estou de "férias" de Micareta.... Por um lado é bom e por outro é ruim.. Bom porque posso descansar um pouco e estudar sozinha, na paz. E é ruim porque fico sem aulas e sem ver meus colegas ._. Mas, vou aproveitar por enquanto, quando chegar as provas... Oh ODIN!



terça-feira, 22 de abril de 2014

- " The REAL Artist..."


Recentemente, minha cantora favorita Lady GaGa vem recebendo diversas críticas, muitas deles sem fundamento algum e outras, que podem até serem consideradas, visto o que anda acontecendo nos últimos meses. Antes de tudo, sei que esse blog eu não trato sobre esse assunto – uma ou duas vezes falo sobre a GaGa, pois sua música é muito importante em minha vida, mas sempre me volto aqui a temas de animes e minhas poesias. – Entretanto, dessa vez, eu preciso desabafar sobre isso. Está uma bagunça em minha mente.

Tudo começou mais ou menos em agosto do ano passado, quando Gaga voltou lançando “Applause”, após um bom tempo afastado da mídia por conta da sua cirurgia no quadril. Na mesma época, Katy Perry lança ‘Roar’, música que, na MINHA opinião está muito atrás de Applause em conteúdo, mas vá lá. Começaram as rixas, Gaga x Katy, quem se sai melhor nessa, quem vende mais, quem tem mais views no Youtube, mais spins nas rádios. Acabou que, Katy vendeu muito mais e Applause, apesar de ter tido números e views consideráveis para um single, foi taxado de “flop” (fracasso) e começaram a surgir as primeiras “notícias” de que Lady Gaga estava acabada. Engraçado que, nessa mesma música Gaga canta “Fico aqui de pé esperando/ Você bater o gongo/ Para arrebentar a crítica dizendo/ Isso está certo ou está errado?” Ela previa tudo isso? Ela só quer passar a sua arte, e, todos insistem em seus números. Claro que previa, Gaga conhece o mundo Pop.

Gaga planejava lançar a música ‘Venus’ como segundo single, porém, após a música Do What U Want ser bem recebida pelo público, ela ou a Gravadora (não sei ao certo) resolveu trocar às pressas o single para DWUW. A partir daí tudo a confusão aumenta ainda mais. Foram performances, remixes (até mesmo com Christina Aguilera), fãs animados fazendo lyric vídeos para a música, porém, sempre Gaga enrolava com o clipe. Sai, não-sai, supostos vídeos, fotos, acabou que tudo virou uma enorme bola de neve e até hoje ninguém sabe o que aconteceu com esse vídeo. A música até teve um retorno bom de vendas e aceitação nas rádios. Explica-se que o vídeo não saiu por causa das acusações que o cantor que faz parceria na música, R.KELLY, teve alguns escândalos sexuais e o clipe poderia piorar a situação. Enfim, a situação cansou e todos se desinteressaram do clipe... Até vazou algumas cenas em baixa qualidade, mas sem muita expressão.

Logo no final do ano, também não se sabe os motivos, Gaga praticamente renovou sua equipe. Demitiu empresário, e pessoas que ela disse que apenas pensavam em seu dinheiro. Gaga sempre postava mensagens de apoio no Littlemonsters.com, algumas vezes chegava a preocupar todos os seus ‘monstrinhos’ falando sobre depressão, tristezas, decepções... Nesse meio-tempo ela desapareceu por uns meses. Não sei se tudo isso foi verdade, mas eu me senti muito apiedada dela. Nunca se sabe o que acontece nos bastidores desse mundo da música.

E enquanto isso, mais e mais pressões vieram. Haters, artigos, notícias fakes... Continuavam a insistir em seu fracasso, em fim de carreira, que todos estavam cansados da sua imagem. [Sobre a 'imagem' dela, pode até ser verdade, Gaga sempre se vestiu de maneira estranha e antes gerava bastante buzz para ela, mas hoje, eu acredito que as pessoas não se importam tanto mais.] Eu, sinceramente, não gosto de participar de discussões, porém fico revoltada com algumas coisas que leio. Fico calada, pois sei que muitas outras fã-bases adoram rebaixar little monsters, apesar de que, os monsters têm certa culpa disso. Gaga faz música para “excluídos” porque ela era uma “excluída”. Se ela passa tantas mensagens de amor, força, confiança e fé em si mesmo; esses jovens inseguros, ‘marginalizados’ pela sociedade a veem como uma fortaleza, alguém que eles devem proteger com todas as suas forças. Acredito que, por isso, os Little Monster’s têm sua fama de defenderem sua diva com unha, garra, dentes, tochas, o que tiverem ao alcance de suas vistas. Alguns chegam até a serem agressivos, usando palavrões, tentam exaltar a sua diva e rebaixar a do outro, tudo para proteger sua “Mother Monster”. Há aqueles mais conscientes, que, com a fama da fã base já manchada por causa dos outros, são mais ‘educados’. Porém, todos têm o mesmo objetivo, proteger e defender quem os defende em suas músicas, palavras e gestos, é como se fosse um ‘pacto’, “Eu te protejo e você me protege, protegemo-nos.

Lady Gaga passa tantas mensagens de ‘autoajuda’ e amor por seus fãs, por que tantos ataques? Muitas vezes, vi as mesmas pessoas, em diversos sites de música pop tentando rebaixá-la, muitas vezes usando argumentos esdrúxulos ou xingamentos, e, esses mesmos depois, vem chamar os fãs da Lady Gaga de alienados, cegos, ignorantes. Em diversas fãs bases existem fãs assim, Littles se exaltam e muito, mas não quer dizer que seja exclusividade nossa.  Gaga está uma fase super difícil agora, as críticas estão cada vez mais fortes. Monsters empenham-se em seu papel de defender a Mother, porém às vezes de nada adianta.

Por causa dessa críticas e seus acontecimentos anteriores, recentemente, Gaga começou a bater de frente com a indústria do Pop. Um ato que eu acho super arriscado, porém louvável. No vídeo de G.U.Y, ela simplesmente “mata” os empresários famintos por dinheiro e substitui por “clones” dos Grande Homens. É um ataque, de verdade.  Gaga quer mostrar ao mundo sua “estranha mente” artística, porém, sabe que nem sempre vai agradar a todos. Todas as suas músicas, se você parar e analisar, trazem uma mensagem implícita. A Era ARTPOP está bagunçada, teve seus avessos, porém dá muito bem para entender o seu conceito. Gaga não está interessada em números, ela quer apenas mostrar sua música e arte ao mundo. Poucos a compreenderam e eu acho lindo como ela está carregando tudo isso com força. O público em geral não se agradou, visto que G.U.Y está péssimo nos Charts e o pior, surgiram denúncias de Boicote em rádios. Porém, ARTrave vem aí e seus ingressos estão esgotados! Meio controverso, não?

Por mais que falem, discutem, rebaixem. Sempre serei fã dela, da sua música, sua arte e seus conceitos. Quero ver música, não números. Claro que gosto quando está no topo, quando vejo suas músicas em todas as rádios, nos charts. É o reconhecimento. Ela merece. Gaga é uma artista de VERDADE. Canta, Dança, Toca, Produz, entrega-se ao trabalho. Por baixo de todas as suas roupas e clipes estranhos, há um significado, há uma pessoa, uma humana que luta pelo seu trabalho.
 Mas, o mundo é cheio de injustiças e uma das piores delas é um artista ser massacrado por, simplesmente, querer ser ele mesmo no mundo da música. E é isso que Gaga está lutando o tempo inteiro.


Acho que se eu não gostasse tanto dela, não faria um texto de mais de 1000 palavras, contando a situação e falando minhas opiniões... Só queria desabafar, mesmo. Estou com raiva disso já ._.



domingo, 20 de abril de 2014

- "Happy Páscoa..." ~ "Tiger & Bunny"


Bom, primeiramente, hoje, Domingo dia 20 de abril comemora-se a "Páscoa", dita hoje no mundo ocidental, como a época do "Renascimento" de Cristo. Porém, quase todo mundo sabe que Páscoa, originalmente era a festa que anunciava o fim do inverno e o começo da primavera pelos antigos povos pagãos, eles homenageavam a deusa Ostera que segura um ovo e um coelho (símbolo da fertilidade), a deusa e o ovo significavam "Chegada de uma nova vida"... Então, essas "simbologias" foram adotadas pela Igreja Católica ( como sempre ) para representar o "renascimento" de Cristo. :)Bom, esquecendo tudo isso. Vou só desejar uma Feliz Páscoa, bom pra comer muito chocolate! :3

Ninguém melhor do mundo dos animes pra representar a Páscoa do que o Bunny, não é? O coelhinho chato que o Tiger Ama ♥ ( Sim, eu shippo os dois ♥).
Terminei esses dias de assistir Tiger & Bunny e, realmente, é aquele anime que te faz, rir, chorar, shippar até não querer mais , certas horas te deixa com vontade de socar o Bunny....É muito Bom!
Tiger é aquele personagem cativante que todo mundo se apaixona, o pai maravilhoso e um 'companheiro' muito bem-humorado e "camarada" de todo mundo. Já o Bunny, é muito orgulhoso, metido, nariz-empinado, porém conhecendo um pouco mais sobre sua história, pode-se criar um certo apreço por ele... Ainda tem as divas "Fire Emblem" (Um protótipo de Grell Sutcliff), Blue Rose, que, apesar de ser apaixonada pelo Tiger não odiei ela ♥
Com toda a certeza algum dia irei assistir novamente ♥

Troquei minha ass♥ 



sábado, 19 de abril de 2014

- " Longe de sua voz..."



Não me diga mais como deve ser
Suas palavras são feitas apenas para você
Meu caminho é feito de tudo que acredito
Pretendo trilhá-lo a partir do primeiro raiar de sol
Posso falhar, tropeçar, escalar montes
Mas, será meu conto, minhas palavras
Não mais um fantoche,cortei-me de seus fios
Sei como odeia não ser ouvido
Mas a sua voz, não tem mais sentido pra mim
Quem me tem sou eu, apenas os meus sentidos
Minhas estrelas da noite, irão me guiar
E me levarão aos picos que eu sempre sonhei contemplar

________________

Independência agora é palavra de ordem  :3
Não gosto muito de rimas, porém, sem querer fiz algumas nesse poema hauhsua -'




sexta-feira, 18 de abril de 2014

- "Down on the West Coast..."

Cabeludo e um gato?  É sacanagem comigo D:

Novidade! Mudei o blog!   Ok, troquei para uma cor pastel-sem'graça-sem'sal  que eu adoro. Porque eu sou assim.  Só teenho que conseguir algum jeito de deixar a barra lateral branca, como a área da postagem, quando conseguir isso, estarei contemplada. rs
Finalmente! Consegui escrever um pouquinho de nada no meu projeto G.R... Nem que seja um pouquinho, foram algumas linhas "escritas" ... Então, está valendo. Percebi que o aumento da minha criatividade é proporcional aos dias que eu deixo de escrever ( tá certo isso? ) É algo até bom, mas me deixa agoniada.
Gosto de pegar nas minhas histórias todos os dias, só pra ver, arrumar, retocar, o que seja.
Minha missão nessas "férias" é estudar e dar um pulo em G.R, porém fica difícil com movimentação e barulho em casa. Irrita E MUITO!


Provavelmente, minha trilha sonora será essa delícia aqui:




quarta-feira, 16 de abril de 2014

#Minha maior dúvida


" Deus? Essa é a maior dúvida que eu tenho. Não quero ele só para mim, quero para todos."

Dentre todas as dúvidas que tenho, eu acho que a figura de Deus é a maior delas. É incrível como, na hora do desespero, eu clamo por ele, mesmo que, quase todos os dias, eu me pergunto sobre sua existência. Sei que, no fundo, eu acredito em algo mais elevado, sábio e desconhecido, o qual todos os humanos tentam enxergar e sentir. Acho que isso explica o fato de que ( eu acho ) todas as sociedades existentes tiveram deuses e explicações para o desconhecido. Porém, quando eu olho para o mundo, vendo pessoas dizendo que são agraciadas e abençoadas por "Tal" ser, digladiando-se umas com as outras para ver qual é o melhor deus; enquanto outros morrem em guerras, passam fome, sede, todos os dias, penso se realmente há alguém lá "em cima" que cuida de nós. Já vi tantas explicações, tantas teorias, tantos absurdos religiosos. Uma hora, temos que parar e pensar, será tudo verdade? Ou uma simples ilusão das nossas mentes? É tal difícil, Quando somos pegos como patinhos pelo ceticismo, quando não estamos cegos pelos dogmas, que são "implantados" em nossas mentes desde pequenos. Porém, será que vale a pena viver para sempre cego? Eu prefiro viver na eterna dúvida.

Cheguei a dizer que era deísta. Hoje, acho que não sou mais nada. Deus pode ser milhares de possibilidades, ou pode ser nada. Apenas uma "proteção" para os nossos anseios, ilusão criada por nós mesmos. Ou, pode estar lá em cima, pelos lados,  rodeando o universo, esperando que sua humanidade criada tome algum rumo e comece a se amar e respeitar, como ele sempre quis. 



#Indefesos



Vejo os rastros de sangue
Rosas vermelhas, atiradas pelas janelas
O choro da criança, agarrada ao seio
Tiros disparados, os inocentes enjaulados
É o silêncio das ruas, trouxe o mundo das sombras
Os monstros uivam em suas tocas
E saem ao fim do dia
A cidade mergulha em medo
Somos reféns, sem direto à defesa
Esperando os céus para nos proteger.
Pobres coitados, parados
Vivenciando o medo,
Sem o poder de crer,
Que há um mundo melhor lá fora.

_______

Horrorizada aqui! A PM da Bahia parou e minha cidade morre um a cada hr :O
Pode nem por os pés fora de casa... Minha escola parou... E agora com a Semana Santa, Feriados e Micareta vou ficar alguns dias sem aula D:

domingo, 13 de abril de 2014

#Kamigami no Asobi — Deuses bishounens haha

Yui e os Nórdicos, pq eles são os melhores ♥

Semana passada começou mais um anime Adaptação de Otome Game. Kamigami no Asobi. Vi algumas imagens, Deuses, Bishounen's lindos... Interessei-me. Mas, com aquele peso de ter que aguentar mais uma menina lesa, chatinha, que a maioria desses animes têm, as heroínas que ficam zanzando o anime inteiro e deixa todos os lindões na friendzone, e ainda atrapalha seus shipp's.
Porém, Ao ver o primeiro Ep de Kamigami no Asobi. Mudei totalmente de perspectiva!

ANTES DE QUALQUER COISA, tenho que dizer isso: 

Esse aí do lado é o Balder, Deus nórdico da Luz. Ironicamente, o nome do meu personagem de G.R. é Freyr, também um deus nórdico, deus do sol e da fertilidade.  E, POR MAIS INCRÍVEL QUE PAREÇA, o Balder do Anime é IGUALZINHO a como eu imaginava meu personagem, já até relatei sobre ele aqui! :O Fiquei boba quando vi, e super apaixonada pelo Balder tb ♥ ♥ 

Mas... Vamos para o anime.



___________________________________


Kusanagi Yui é uma estudante normal, que acabou em um mundo estranho e totalmente desconhecido. No primeiro dia que chega a esse lugar, encontra diversos garotos lindos e super atraentes. O que ela não sabia, é que eles eram deuses, presos naquele local, assim como ela, e destinados por Zeus, a aprenderem  ter uma relação mais amistosa com os humanos, estudando sobre sua cultura, língua e outras coisas. E, adivinhem quem tem a missão de ensiná-los a eles tudo isso? Sim, nossa heroína, Yui. Os deuses são: Appollon, Hades e Dyonisius, deuses gregos. Thor, Loki e Balder, deuses nórdicos e Susanoo e Tsukito, deuses japoneses. E ainda tem os deuses egípcios, Anubis ( não apareceu ainda) e Thot. Esses dpois últimos eu acredito que sejam assistentes de Zeus.

Até agora, A heroína está me saindo melhor do que muitas por aí. Ela fala, responde, Age, anda...!! E parece ter alguma personalidade! Adaptações de otome games têm má fama por causa das heroines sem noção e cegas HAHAHHA.  Falando dos meninos, Hades é uma maravilha, Loki é MUITO parecido como na mitologia ( encapetado XD ) e Balder é lindo e fofo demais, todo atrapalhado ♥ Parece que vale a pena assistir! :3
Vou acompanhar, se ficar ruim eu paro... Como Tokyo Ravens :p


sábado, 12 de abril de 2014

#Bloody Mary — Sanguinária e sofredora


Como eu disse antes, vou fazer uma análise da música Bloody Mary da Gaga ... Ela faz parte do álbum Born This Way lançado em 2011, e, na minha opinião é a música mais enigmática da Gaga. Quando escutei a primeira vez, tive certo medo... Ela tem um ar fantasmagórico, referências à Bíblia, sangue e sua personagem principal é Maria Madalena. Porém, antes eu tinha apenas 14 anos e não entendia muito bem o conceito da música. Hoje, estou com a mente bem mais aberta e consigo entendê-la perfeitamente.


quarta-feira, 9 de abril de 2014

# Desejos


O meu seio, minha vida desejam estar depositados na pureza singela dos teus olhos. 
No brilho etéreo da tua aura que alimenta meus sonhos
Na presença que me envolve; apenas um sorriso teu me conforta
O véu negro encobre tua cabeça, o cheiro cativo desses fios
A cor da rósea dos teus lábios, sinuosos lábios; doces.
Arrepia-me teus dedos, que fazem curvas em meus braços.
Não me olhe assim; esses olhos sublimes não foram feitos para mim
Esse brilho flavo não deve me pertencer; por mais que eu queira
Eu olho para você, e vejo a vida mais cristalina.
Eu olho para você e não vejo me vejo refletindo aí
Tuas sutilezas são eternas; as minhas, apodrecem no final de cada dia
Queria ter o teu canto celeste em meus caminhos
Porém, a ampulheta da vida corre sem freios ao meu encalço.
________________

Drama? Imagina! hauhsua Adoro poemas dramáticos... Já fiz muitos assim... ♥



segunda-feira, 7 de abril de 2014

#Esculpido



Eu queria morrer, só pra sentir o gosto da morte
Queria voar, conhecer os ventos mais altos
Ter para mim os piores gostos, amores
Somente pelo prazer de sofrer e lidar
É o amargo, o petrificado
Que te esculpe, lapida o teu âmago
A sorte é um acaso, o destino é feito de pedra
O mais difícil, mais estreito, calejado
Será o mais perfeito, esculpido e delineado.

♥ Me and meus versos





sábado, 5 de abril de 2014

Melhores trechos músicas ~ Fairy Tail Comeback! :3


Fairy Tail finalmente voltou! Com mais Nalu, emoção, muitas lágrimas, lutas, mistérios! E pelo que me parece SANGUE! :3

A nova temporada de animes começou e Fairy Tail, com toda a certeza, eu irei acompanhar... .Como estou ocupada agora, não tenho muita noção dos animes que estrearam nessa temp., porém tem um KAMIGAMI NO ASOBI que estou interessada em ver (Bishounen's hehe)...
Então.. Já que falei das minha emoção de hoje! Vamos partir para o post mesmo ♥

quinta-feira, 3 de abril de 2014

#Inícios e fins ♥

Pq eu quis botar essa coisa mais linda de capa do post? Pq? Ah! Pq ele é cabeludo e lindo :3 

Bom, esse post é nada mais nada menos do que como anda a minha vida. Sim, eu sempre falo sobre ela aqui, por mais irrelevante que seja :3 Na verdade, pretendo falar algumas coisas sobre minha escola, meus projetos, inspirações e etc.. E Sim, coloquei mais alguns cabeludos ao longo do post, pq eles são lindos e merecem ser postados ♥

quarta-feira, 2 de abril de 2014

#Manifesto de glória


Sorte de hoje; os ventos estão frios
Minha pele, dura, como couraça
Não se abala, petrifica-se. 
Protegem-me contra as rajadas de sol
Todos os rostos, os olhos; 
Deles, pobres humanos
Temem, contorcem, estremecem 
Ao sentirem os meus impulsos violentos, felinos
Que me importa seus olhares?
Já andei pelas estradas infernais 
E escalei os montes, que precipitavam o abismo
Não recebi uma alma, nem sequer uma.
Alimentei-me de minhas próprias lagrimas
Minha carne, meu sangue escarlate; venenoso
Soltei-me de todas as correntes possíveis
Tudo ficou para trás; só restou o corpo
Revigorado, iluminado, cheio de mim.
Não preciso deles — nunca precisarei.
Morte? Não cabe mais em meu pensamento
Minha existência é meu agora, minha sina
Estou aqui para ter a glória; Com a espada em punho
Brado contra o tempo, o senhor do mundo.
Prazer, sou um simples humano
Sem máscaras, nem temores.

Guerreiro, oferecendo seu templo, seu corpo, pela vida.
__________________

Olha eu fazendo poemas sobre homens de novo? Ah! Adoro ♥
Estou sentindo tanta falta de fazer post's diariamente por aqui :( A escola está me ocupando muito, tenho tanto a fazer... Porém, tenho que me concentrar mais nisso...  Ao menos, a inspiração aumenta com o passar dos dias... Apesar de tudo, trabalhos, atividades, textos... Até que meu lado social na escola está bom... Não estou muito sozinha e me entretendo com alguns colegas, espero que continue assim, afinal, é meu último ano escolar ._.
Pretendo fazer uma análise da música Bloody Mary da Gaga, mas não sei quando.. Só quando tiver mais tempo ♥



Apenas 3 dias para a Volta de Fairy Tail!! ♥







Momento difícil

Difícil perceber o momento em que não vê ninguém pra desabafar. Ninguém parece te compreender muito bem. Ninguém demanda teu tato ou te...