quarta-feira, 23 de abril de 2014

- " Momento de luz..."



A respiração pausada, no silêncio sepulcral da noite. Escuto correr do sangue em minhas veias; o pulsar calmo, ritmado do meu coração. O cheiro de flores de primavera invadem o meu quarto, aquele perfume gostoso, deslizou diretamente para minhas narinas. A janela aberta, o luar penetrou pela janela, iluminando a aura fantasma do meu quarto; monstros odeiam a luz. Eu, estirado sobre meus lençóis brancos, apenas olhando aquela luz prateada a brilhar no meu corpo. A luz, o cheiro, a noite. Senti a harmonia invadir o meu corpo. Um momento de paz, tudo o que minha mente enovelada precisava para descansar. Quem me dera, momentos assim todos os dias, todas as horas, a todo momento.

O escuro volta, assim como os monstros. 

****************
POST Nº 200

Meus post's aumentaram pq estou de "férias" de Micareta.... Por um lado é bom e por outro é ruim.. Bom porque posso descansar um pouco e estudar sozinha, na paz. E é ruim porque fico sem aulas e sem ver meus colegas ._. Mas, vou aproveitar por enquanto, quando chegar as provas... Oh ODIN!



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Linguagem do corpo

Os olhos voltados pra cima A boca seca Os lábios trêmulos  Os dedos que se fecham Meu corpo denuncia O que a palavra não r...