terça-feira, 22 de abril de 2014

- " The REAL Artist..."


Recentemente, minha cantora favorita Lady GaGa vem recebendo diversas críticas, muitas deles sem fundamento algum e outras, que podem até serem consideradas, visto o que anda acontecendo nos últimos meses. Antes de tudo, sei que esse blog eu não trato sobre esse assunto – uma ou duas vezes falo sobre a GaGa, pois sua música é muito importante em minha vida, mas sempre me volto aqui a temas de animes e minhas poesias. – Entretanto, dessa vez, eu preciso desabafar sobre isso. Está uma bagunça em minha mente.

Tudo começou mais ou menos em agosto do ano passado, quando Gaga voltou lançando “Applause”, após um bom tempo afastado da mídia por conta da sua cirurgia no quadril. Na mesma época, Katy Perry lança ‘Roar’, música que, na MINHA opinião está muito atrás de Applause em conteúdo, mas vá lá. Começaram as rixas, Gaga x Katy, quem se sai melhor nessa, quem vende mais, quem tem mais views no Youtube, mais spins nas rádios. Acabou que, Katy vendeu muito mais e Applause, apesar de ter tido números e views consideráveis para um single, foi taxado de “flop” (fracasso) e começaram a surgir as primeiras “notícias” de que Lady Gaga estava acabada. Engraçado que, nessa mesma música Gaga canta “Fico aqui de pé esperando/ Você bater o gongo/ Para arrebentar a crítica dizendo/ Isso está certo ou está errado?” Ela previa tudo isso? Ela só quer passar a sua arte, e, todos insistem em seus números. Claro que previa, Gaga conhece o mundo Pop.

Gaga planejava lançar a música ‘Venus’ como segundo single, porém, após a música Do What U Want ser bem recebida pelo público, ela ou a Gravadora (não sei ao certo) resolveu trocar às pressas o single para DWUW. A partir daí tudo a confusão aumenta ainda mais. Foram performances, remixes (até mesmo com Christina Aguilera), fãs animados fazendo lyric vídeos para a música, porém, sempre Gaga enrolava com o clipe. Sai, não-sai, supostos vídeos, fotos, acabou que tudo virou uma enorme bola de neve e até hoje ninguém sabe o que aconteceu com esse vídeo. A música até teve um retorno bom de vendas e aceitação nas rádios. Explica-se que o vídeo não saiu por causa das acusações que o cantor que faz parceria na música, R.KELLY, teve alguns escândalos sexuais e o clipe poderia piorar a situação. Enfim, a situação cansou e todos se desinteressaram do clipe... Até vazou algumas cenas em baixa qualidade, mas sem muita expressão.

Logo no final do ano, também não se sabe os motivos, Gaga praticamente renovou sua equipe. Demitiu empresário, e pessoas que ela disse que apenas pensavam em seu dinheiro. Gaga sempre postava mensagens de apoio no Littlemonsters.com, algumas vezes chegava a preocupar todos os seus ‘monstrinhos’ falando sobre depressão, tristezas, decepções... Nesse meio-tempo ela desapareceu por uns meses. Não sei se tudo isso foi verdade, mas eu me senti muito apiedada dela. Nunca se sabe o que acontece nos bastidores desse mundo da música.

E enquanto isso, mais e mais pressões vieram. Haters, artigos, notícias fakes... Continuavam a insistir em seu fracasso, em fim de carreira, que todos estavam cansados da sua imagem. [Sobre a 'imagem' dela, pode até ser verdade, Gaga sempre se vestiu de maneira estranha e antes gerava bastante buzz para ela, mas hoje, eu acredito que as pessoas não se importam tanto mais.] Eu, sinceramente, não gosto de participar de discussões, porém fico revoltada com algumas coisas que leio. Fico calada, pois sei que muitas outras fã-bases adoram rebaixar little monsters, apesar de que, os monsters têm certa culpa disso. Gaga faz música para “excluídos” porque ela era uma “excluída”. Se ela passa tantas mensagens de amor, força, confiança e fé em si mesmo; esses jovens inseguros, ‘marginalizados’ pela sociedade a veem como uma fortaleza, alguém que eles devem proteger com todas as suas forças. Acredito que, por isso, os Little Monster’s têm sua fama de defenderem sua diva com unha, garra, dentes, tochas, o que tiverem ao alcance de suas vistas. Alguns chegam até a serem agressivos, usando palavrões, tentam exaltar a sua diva e rebaixar a do outro, tudo para proteger sua “Mother Monster”. Há aqueles mais conscientes, que, com a fama da fã base já manchada por causa dos outros, são mais ‘educados’. Porém, todos têm o mesmo objetivo, proteger e defender quem os defende em suas músicas, palavras e gestos, é como se fosse um ‘pacto’, “Eu te protejo e você me protege, protegemo-nos.

Lady Gaga passa tantas mensagens de ‘autoajuda’ e amor por seus fãs, por que tantos ataques? Muitas vezes, vi as mesmas pessoas, em diversos sites de música pop tentando rebaixá-la, muitas vezes usando argumentos esdrúxulos ou xingamentos, e, esses mesmos depois, vem chamar os fãs da Lady Gaga de alienados, cegos, ignorantes. Em diversas fãs bases existem fãs assim, Littles se exaltam e muito, mas não quer dizer que seja exclusividade nossa.  Gaga está uma fase super difícil agora, as críticas estão cada vez mais fortes. Monsters empenham-se em seu papel de defender a Mother, porém às vezes de nada adianta.

Por causa dessa críticas e seus acontecimentos anteriores, recentemente, Gaga começou a bater de frente com a indústria do Pop. Um ato que eu acho super arriscado, porém louvável. No vídeo de G.U.Y, ela simplesmente “mata” os empresários famintos por dinheiro e substitui por “clones” dos Grande Homens. É um ataque, de verdade.  Gaga quer mostrar ao mundo sua “estranha mente” artística, porém, sabe que nem sempre vai agradar a todos. Todas as suas músicas, se você parar e analisar, trazem uma mensagem implícita. A Era ARTPOP está bagunçada, teve seus avessos, porém dá muito bem para entender o seu conceito. Gaga não está interessada em números, ela quer apenas mostrar sua música e arte ao mundo. Poucos a compreenderam e eu acho lindo como ela está carregando tudo isso com força. O público em geral não se agradou, visto que G.U.Y está péssimo nos Charts e o pior, surgiram denúncias de Boicote em rádios. Porém, ARTrave vem aí e seus ingressos estão esgotados! Meio controverso, não?

Por mais que falem, discutem, rebaixem. Sempre serei fã dela, da sua música, sua arte e seus conceitos. Quero ver música, não números. Claro que gosto quando está no topo, quando vejo suas músicas em todas as rádios, nos charts. É o reconhecimento. Ela merece. Gaga é uma artista de VERDADE. Canta, Dança, Toca, Produz, entrega-se ao trabalho. Por baixo de todas as suas roupas e clipes estranhos, há um significado, há uma pessoa, uma humana que luta pelo seu trabalho.
 Mas, o mundo é cheio de injustiças e uma das piores delas é um artista ser massacrado por, simplesmente, querer ser ele mesmo no mundo da música. E é isso que Gaga está lutando o tempo inteiro.


Acho que se eu não gostasse tanto dela, não faria um texto de mais de 1000 palavras, contando a situação e falando minhas opiniões... Só queria desabafar, mesmo. Estou com raiva disso já ._.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Linguagem do corpo

Os olhos voltados pra cima A boca seca Os lábios trêmulos  Os dedos que se fecham Meu corpo denuncia O que a palavra não r...