sexta-feira, 16 de maio de 2014

# Ápice.


"Onde as tristezas se afundam
É onde eu nunca quero mergulhar
O mar infinito, amargo, bem lá no fundo
Atingem seu ápice apenas com uma faísca
E te inundam com milhas de lágrimas..."

Como eu disse antes, não estou postando por causa das provas e afins...Mas, hj eu precisava de um sossego.. Depois daquela prova horrivel que fiz hoje... ( Matemática, para variar) Cálculos grandes, extensa, cansativa... Nunca fiz prova tão dificil daquele jeito, e, tenho certeza, que minha nota tb ñ vai ser boa. Estudei, me esforcei... Mas, quando chegou lá... Sinceramente... Eu odeio tirar nota ruim... Fico desesperada, sem saber como reagir.


Esse gatinho me faz lembrar que certas coisas não precisam de minhas lágrimas... Gatos ñ se importam com determinadas coisas, nada os impedem da felicidade...




Nenhum comentário:

Postar um comentário

desculpe, querida

desculpe, querida se minhas palavras são incontidas se meu toque te abomina se o meu sorriso e o meu corpo não são o suficient...