terça-feira, 16 de setembro de 2014

"I'll Still Be Bloody Mary..."

"Bloody Mary é bastante sutil. É sobre Maria sendo divina e humana ao mesmo tempo, com um subtexto sobre o papel de uma mulher que é destinada a ser uma superstar e uma mulher real ao mesmo tempo. Eu acredito que Maria Madalena foi divina e humana. Ela teve que ser forte quando Jesus teve que cumprir a profecia de morrer pelos pecados de todos, mas ela ainda assim teve seu momento de humanidade quando decidiu deixá-lo ir. Ela tinha que ser uma superstar, mas deve ter chorado também. Na música, eu estou lutando entre a realidade e a fantasia. É inspirada no meu carro e em Maria Madalena – a maior namorada de um rockstar." - Lady Gaga


Análise da Música *-*



Nenhum comentário:

Postar um comentário

O estranho

Todas as noites Uma névoa de letras E palavras soltas Entre nós e caminhos Feitos e desfeitos Debatem entre si E nesta pe...