quinta-feira, 9 de outubro de 2014

#Prosa do dia - 09/10/2014


Iniciando Noragami e o Livro, "A Ilha do Tesouro", logo começam a semana de provas. Então, já tenho que pausar as minhas leituras e o anime também, mas é necessário, então... Não posso reclamar.  Amanhã mesmo já tenho prova de português (somente, ainda bem) os assuntos não são muito difíceis, o problema é a quantidade conteúdo; saber um pouco sobre cada autor da Segunda Geração Modernista é fogo, ainda bem que Literatura é um assunto o qual me interesso bastante. Estou morrendo de vontade de ler algo de Drummond ou Graciliano Ramos... E ainda tem gramática, que... Bom, prefiro nem comentar.  
Noragami já me arrancou boas risadas e pelo andar da 'coisa', parece um anime muito bom! Yato já

me conquistou com seus olhos azuis marcantes e seu jeito desajeitado, cheio de humor *-*  Sobre o livro, só li as primeiras páginas... É livro sobre piratas, assunto que não me interessa muito, mas estou bem curiosa com a história, parece-me interessante de alguma outra forma. Eu estou me sentindo tão estressada, carregada de tanta coisa. A temporada de trabalhos deixou minha mente fervilhando e tenho certeza que depois dessa semana de provas vou sair acabada. Não vou poder escrever, é simplesmente estudar e ponto. Estou aqui meio de 'ousada' , algumas abas com os assuntos estão abertas e eu aqui, desabafando. Mas, preciso né.  Ainda bem que o final de semana já está bem na porta e vou descansar um tantinho e, claro, estudar bastante para as provas de segunda-feira.

Bom, acho que os post's que eu for falar da minha vida, serão chamados de Prosa do Dia,slá, só pra ficar mais organizado no blog. :3 E também criei um novo perfil, que será apenas para o blog, Goldenmoon ¸¸.*☾*.¸¸ , é o meu novo nick por aqui.

~ Black Friday essa semana e eu sem um tostão para comprar os livros que quero... Will & Will, O terceiro travesseiro, Apartamento 41, Um estranho em mim... :(


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Criança liberta

Queria ser criança liberta Criança nascida do verde louro Que grita aos sete ventos E pula de pés descalços  Sobre a terra ...