sábado, 25 de abril de 2015

.gatos, mais do que paixão ♥





Bom, hj vim falar sobre minha paixão de tanto tempo... Já falei algumas vezes aqui do meu amor por... Gatos!Sim, gatos! 
Gatos são praticamente os reis da internet, em todo canto há vídeos sobre eles e ,claro, pessoas falando sobre esses bichanos. Navegando na web, percebo que muitas pessoas dizem não gostar de gatos, tudo bem, algo absolutamente normal, temos preferências e tudo mais... `
Às vezes você simplesmente não se identifica com o animal.

Porém, o que me preocupa de verdade, são os argumentos usados por MUITAS pessoas, para explicar o porquê não gostam de gatos. Falam que são animais traiçoeiros, não gostam do dono, não demonstram afeto, etc. etc's. Argumentos esses equivocados e recheados de "mitos" espalhados por aí sobre esses animais tão misteriosos.



Eu não crio gatos, infelizmente.  Tenho rinite alérgica e minha mãe me proibiu de criar. Porém, já peguei um há 2 anos e fiquei com ele durante algum tempo. Ele se chamava Thor e era um gatinho singular (como todos os outros rs.). Indiferente (quando queria), danadinho, amava sair à noite(condeno-me até hj por não castrá-lo), silencioso, pidão, lindinho... Era certo, todo dia, cinco e meia da manhã, eu ouvir o seu ronronar me acordando, a patinha roçando em meus braços. Assim como vê-lo me esperando quando eu voltava da escola. Gostava de carinho na hora que bem entendia. Infelizmente, por falta de noção minha na época, ele sumiu durante seus passeios noturnos, mas até hj sinto sua falta.  Vejam, descrevi-o citando algumas de suas peculiaridades, porém cada pessoa vai falar de seus gatinhos de uma maneira, pois cada um tem seu jeitinho de ser.


Gatos são animais cheios de personalidade, e de mistérios, os quais nós nunca vamos descobrir. Seu jeito desprendido, mas zeloso a quem os ama, causa incômodo às pessoas que não sabem lidar com questão de espaço, a liberdade do outro. Para topar com um gato é preciso saber conquistar, de modo sincero, respeitando os limites e escolhas dele.E é algo realmente difícil de se fazer. 
Isso que, geralmente, traz incômodo e certa falta de compressão das pessoas a esses bichinhos. Seu instinto felino é de um predador, e ele precisa sempre estar alerta ao perigo. Tudo e todos podem ser uma ameaça, então não qualquer um que ele confia "de cara", sem observar o "currículo" da pessoa. 
O gato é um animal que sempre viveu e vive solitário, para ter sua amizade é preciso conhecer o bichinho, saber do que ele gosta, do que não gosta, seus hábitos, seus afagos favoritos...  Isso exige tempo, paciência e muita compreensão. Se, muitas vezes, não conseguimos fazer isso com as pessoas próximas de nós, imagine em um animal que apenas mia? 
Algumas pessoas chegam a comparar gato x cachorro, porém, eu acredito que não é algo muito justo comparar dois animais de instintos, vivências e histórias totalmente diferentes. A relação humano x gato e humano x cachorro foram dadas de maneiras muito diferentes, por isso não gosto de citar cachorros nessas discussões.

É preciso deixar se levar pelo mundinho do animal, ter sensibilidade para compreendê-lo. Descobrimos coisas novas e aprendemos a amar sem esperar "moedas de troca", apenas mais amor, carinho e muita companhia! Muito provavelmente, essas pessoas que falam "isso" e "aquilo" sobre esses felinos, nunca tiveram um ou criaram e não se permitiram conhecer o animal.. Mas, enfim... Cada um com seus motivos...
Eu prefiro ficar ao lado dos felinos! :)  (na universidade onde estudo, é infestado de gatos, eu fico doida rsrs). Eu amo muito gatos e, mesmo em minha condição, quando tiver um cantinho vou criar um... Meu sonho é ter um gatinho preto, acredito que são místicos hehe.


**Mais post's sobre gatinhos aqui no blog:




 * Já estou no capítulo 3 de The Golden Rose e provavelmente o próximo post será sobre "coisas velhas" rsrsrs.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Opacidade

Sempre estive entre as luzes, Procurando por mistérios E contendas que nunca foram minhas Os corredores, Antes iluminados p...