domingo, 10 de maio de 2015

mãe, não sei muito bem o que te dizer...




 não sei muito bem o que dizer sobre hoje. acordei tarde, como todo dia de domingo e, a primeira coisa que me propus a fazer foi dar uma abraço em minha querida mãe. sabe, eu quase nunca chamo ela de "mãe", é sempre por seu primeiro nome e ela gosta disso. sei que posso não ser a filha perfeita,. dou meus ataques, já lhe chamei de teimosa, às vezes me irrito com a preocupação excessiva. relações de mãe-filho tem essas coisas. mas qualquer coisinha me preocupo; gosto de conversar com ela, ela me conta o que pode contar, eu me disponho a me revelar às vezes; ajudo nos afazeres de casa, sempre que posso e , assim vai. sinto que sempre terei seu apoio, sua companhia. seu porto onde posso chorar e compartilhar meus momentos.
ela me criou com todo o amor que pode, com sua doçura, proteção e, principalmente, compreensão - esse colo, esse calor, onde mais eu poderia encontrar?.   não sei como será meu amanhã; nosso amanhã. mas, de uma coisa eu tenho certeza, eu sempre estarei do lado dela e farei de tudo para que eu possa ser uma filha cada vez melhor, retribuindo todo carinho e proteção que ela sempre esteve aberta a me proporcionar ♥ 

~ quando se trata de mãe, eu não sei muito bem como dissertar sobre o amor que sinto, é difícil, descomunal, profundo demais. ~ 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aesthetic Personagens Originais

Faz algum tempo que eu gostaria de aprender a fazer Aesthetics. Comecei a pesquisar por cores e consegui montar alguns e me senti satisfeit...