domingo, 27 de setembro de 2015

.Fases


Não sei mais mensurar a minha saudade. Pegar um caderno, escrever alguns rascunhos... Sabe, certas horas, pego-me pensando em todas as minhas palavras já escritas e sinto uma vontade... De chorar. Sinto falta das histórias, minhas manias... Incrível como tudo te engole! E você não pensa em mais nada.... Ou talvez seja somente comigo?... Pelo que observo, acredito que não. Vivemos tempos difíceis e, boba, às vezes penso em desistir de tudo. Mas, não. Não posso. A fantasia minha conforta, aninha a loucura do dia-a-dia, mas não posso vivê-la a todo momento [apesar de querer muito]. É insano.
Vou e volto todos os dias, é apenas o começo, mas cansa. Nós acabamos por nos acostumar, mas quero se seja uma boa experiência e, em dado momento, eu consiga me sentir bem. A natureza desses lugares onde estou agora às vezes não parece muito boa, mas em certas horas me encanta. Só que... Às vezes sinto que não é o meu lugar.  É futuro, estudo, progresso... Porém,  há tantas coisas que queria fazer... Realizar. Mas, eu escolhi e agora devo acatar. Não dói só em mim, o mau de certas escolhas é que... Há muito envolvido. Pessoas amadas, então....
Em meu estado atual, o melhor a fazer é permanecer.
Já gritei, já senti. Posso até deixar que me vejam [real]. Mas,já escolhi... Estou viva. Continuarei aqui.


Percebo, agora, que nem tudo é como eu quero. Não somos totalmente livres...! São nós e mais nós e vamos nos enrolar nisso tudo...
Acato, enfim.


Talvez, em súbito, posso me desenrolar. Enquanto não enlouqueço de vez, espero.

Hoje a LUA usa escarlate ♥ Vamos celebrar a sua beleza!


 

4 comentários:

Momento difícil

Difícil perceber o momento em que não vê ninguém pra desabafar. Ninguém parece te compreender muito bem. Ninguém demanda teu tato ou te...