sexta-feira, 23 de outubro de 2015

Esconderijo.



Não consigo mais chorar
Há quantos dias eu não sei mais o que é isso? 
Preciso!
Os dias passam e eu não vejo um segundo
Mas, como, dizem
não é o tempo. somos nós. 
E, agora, sozinho
Nesta noite tão cheia de mim,
sim, eu posso gritar
Posso me sentir mal
Insisto em digerir alguns venenos
Eles me atingiram; eu me sinto mal
Mas, ninguém pode saber.
Tudo cessa, assim que eu me deito
Então, treino os sorrisos
Dito as palavras para forjá-las amanhã
Fecho os olhos e,
preparo forças para esconder-me deles novamente.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

PERDÃO

Eu deveria pedir perdão A mim mesma. Pelas histórias inventadas Os sentimentos perdidos E as palavras mal explicadas Eu deveria p...