segunda-feira, 23 de novembro de 2015

solitude.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Chamam meu nome?

Entendo aquele olhar Chamam meu nome lá fora? Entendo aquele toque Chamam meu nome lá fora? Não há futuro para mim aqui dentro Não...