quarta-feira, 25 de janeiro de 2017

A besta





Os versos esquecidos que jamais voltarão 
As palavras mal ditas amargam a minha boca
Como fel lúgubre e insosso arruinando os meus dias
Rasga os meus pensamentos 
E torna minha mente um poço de insanos maldizeres 
Destruindo-me de dentro: 
Tragam-me a besta que estanca este sangue


-G.MOON

4 comentários:

  1. Lindos versos Golden, sinceramente adoro cada detalhe de poesias como a sua.
    Parabens <3

    http://mundo-mikas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Mikah!
      Me encanta ler estas palavras!

      Beijo ^_^

      Excluir
  2. Quente, a lágrima, pelo do olho canto gárgula, salgada traz amarga à boca o fel da foz do fim.
    GK

    ResponderExcluir

Chamam meu nome?

Entendo aquele olhar Chamam meu nome lá fora? Entendo aquele toque Chamam meu nome lá fora? Não há futuro para mim aqui dentro Não...