sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

As palavras...





Tuas palavras me permitem ter você aqui
Tão cheias de carícias
Como os dedos que se chegam
E arrepiam o corpo.
Estás do outro lado do mundo
Do outro lado da estrada
Em algum outro canto que eu não posso ver
Mas estas palavras te mantêm aqui
Crescem em pequenas sementes
Criando raízes e fortalecendo-se
Em todo calor apressado do meu frágil corpo
Eu não sei nada sobre o brilho do teu olhar
Nem como se entregas de corpo
Mas a tua alma
Tua bela alma - fortalece-se nestas palavras.
Eu prometo: vou guardá-las aqui
Protegendo-as em meu calor
Enquanto não estás perto de mim.

- G.MOON

2 comentários:

Chamam meu nome?

Entendo aquele olhar Chamam meu nome lá fora? Entendo aquele toque Chamam meu nome lá fora? Não há futuro para mim aqui dentro Não...